Brasil

Bolsonaro perde processo contra padre Julio Lancelotti

Repórter Nordeste

Jair Bolsonaro perdeu uma ação movida por ele mesmo contra o padre Júlio Lancelotti. Durante uma missa, ele chamou Bolsonaro de homofóbico, violento, defensor do extermínio de gays e submissão das mulheres.

A ação por danos morais foi movida quando Bolsonaro ainda era candidato a presidente.

O juiz entendeu que Bolsonaro tinha opiniões “particulares” e “incisivas” sobre as mulheres e LGBTs.

As informações são da IstoÉ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *