Destaque

Chegada de Bolsonaro a AL é atrasada pelo mau tempo; Renan Filho vai recebê-lo

Fillipe Lima

Alagoas 24 Horas

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), vem a Alagoas nesta quinta-feira (5) para inaugurar o Sistema de Abastecimento de Água no Distrito Piau, no município de Piranhas, no Sertão do Estado. Essa será sua primeira visita oficial como chefe do executivo nacional.

A chegada de Bolsonaro em solo alagoano estava prevista para aproximadamente 9 horas, mas devido a condições climáticas, a aeronave que trazia o presidente precisou desviar sua rota e ir para Aracaju, capital de Sergipe, onde ele antecipou um evento no Estado vizinho.

A viagem do presidente começaria em Paulo Afonso/BA, onde sobrevoaria os cânions da região e seguiria para a inauguração. Bolsonaro justificou o atraso através de suas redes sociais. Em sua comitiva estão os ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, e o presidente da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), coronel Giovanne Silva.

O Sistema de Abastecimento de Água vai atender cerca de 10 mil pessoas da área rural do Distrito de Piau, por meio de captação de água no Trecho III do Canal do Sertão Alagoano, inaugurado em 2013 e que já beneficia mais de 100 mil alagoanos. O valor investido na obra foi de cerca de R$12 milhões.

ALIADO DE BOLSONARO AUSENTE EM CERIMÔNIA

Um dos principais aliados do presidente Bolsonaro em Brasília e líder do bloco político, conhecido como Centrão, o deputado federal alagoano – Arthur Lira (PP) – anunciou nessa quarta-feira (4) que foi diagnosticado com a Covid-19 e não poderá comparecer ao evento desta quinta-feira, em Piranhas.

RENAN RECEBERÁ BOLSONARO

Opositor de Bolsonaro, o governador Renan Filho (MDB), afirmou – também por meio de redes sociais – que receberá o presidente em Piranhas.

“Eu trabalho para que Alagoas receba o maior volume de investimentos possível para melhorar a vida das pessoas. Retira água do Canal do Sertão, para Piranhas, especialmente para o povoado Piau. Enviou convite e estou indo lá para representar o povo alagoano”, afirmou o governador alagoano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *