COVID-19

Enfrentamento à pandemia é pauta fundamental para prefeitos, afirma Renan Filho

Governador participou nesta segunda (14) do Encontro Alagoano de Gestores Eleitos e garantiu seguir trabalhando cooperativamente com os municípios

Márcio Ferreira
Durante o Encontro Alagoano de Gestores Eleitos, que ocorreu nesta segunda (14), o governador Renan Filho disse que o enfrentamento à pandemia é pauta fundamental para prefeitos

Agência Alagoas
Texto de Severino Carvalho

O governador Renan Filho garantiu aos prefeitos que participaram, nesta segunda-feira (14), do Encontro Alagoano de Gestores Eleitos, que seguirá trabalhando cooperativamente com os municípios para que as ações governamentais cheguem a todas as cidades do estado. Ele afirmou que os investimentos para os próximos dois anos estão garantidos, mas ressaltou que uma pauta é fundamental: o enfrentamento à pandemia da Covid-19.

“À frente do Governo do Estado de Alagoas, vou trabalhar para contemplar todas as cidades alagoanas; ajudar as cidades a avançar em saúde, em educação, em segurança pública e em infraestrutura”, assegurou.

Aos gestores eleitos presentes ao evento, promovido pela Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), Renan Filho disse que a principal providência a ser adotada pelos prefeitos, passadas as eleições municipais, é desarmar os palanques em prol do interesse público.

“Nós vamos trabalhar cooperativamente. O Estado vai chegar a todas as cidades de Alagoas, porque hoje, diante das dificuldades econômicas e financeiras que se abatem sobre o planeta, é óbvio que todos os senhores precisarão fazer o dever de casa”, ponderou o governador, conclamando os gestores eleitos a se empenharem no combate à pandemia, que considera pauta fundamental.

“Ninguém ache que vai ter condição de assumir uma prefeitura nesse momento sem debater profundamente as questões da pandemia”, alertou, garantindo que seguirá consultando a Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) para a tomada de decisões no enfrentamento à Covid-19.

“E agora em 2021 farei da mesma maneira. Não tomarei uma só atitude em Alagoas que não seja apoiada pelos prefeitos do meu Estado porque é assim que a gente constrói as condições políticas para fazer o enfretamento necessário”, sustentou o governador.

Ele informou, ainda, que vai propor uma reunião, por meio de videoconferência, com os prefeitos alagoanos a fim de apresentar as providências iniciais para 2021 e discuti-las com os gestores com objetivo de verificar qual o melhor caminho a seguir.

“No início de 2021 nós vamos, entre todas as dificuldades, precisar estar próximos, porque, a despeito da necessidade de distanciamento (social), temos que aproximar as gestões para atingirmos os melhores resultados”, defendeu.

Integração

O evento promovido pela AMA reuniu secretários municipais, prefeitos eleitos e reeleitos no Espaço Garden do Hotel Jatiúca, em Maceió. O Encontro segue até amanhã com palestrantes nacionais e estaduais especializados que vão debater questões sobre administração pública e direito municipal.

Por meio de videoconferência, o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Glademir Aroldi, participou da abertura do evento. Ele afirmou que 2021 será um ano desafiador para os gestores municipais, sobretudo em razão da pandemia e da perda de receita, que persistirá.

“Os desafios são muitos, mas eu tenho certeza que com a participação de todos, com atuação da AMA, da CNM e com todo o apoio do governador Renan Filho, nós vamos amenizar e buscar alternativas para vencermos esse momento tão difícil que todos estamos vivendo”, acredita Glademir Aroldi.

“A integração do Governo de Alagoas, através de um governador de raiz municipalista, que já foi prefeito de Murici em duas oportunidades, deputado federal; um governador parceiro que tem ajudado cada cantinho de Alagoas para poder prospectar ainda mais políticas públicas que façam a diferença a nossa sociedade, seja na saúde, na educação, na infraestrutura turística e também urbana. É dessa forma integrada: municípios, Governo de Alagoas e União que vocês prefeitos poderão fazer a verdadeira diferença em serviços ofertados à população”, acrescentou o prefeito de Penedo, Marcius Beltrão, que representou a presidente da AMA, Pauline Pereira. Ela não pôde comparecer ao evento por conta de problemas de saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *