Vereadores já tentam aumentar duodécimo da Câmara para 2021

Vereadores já tentam aumentar duodécimo da Câmara para 2021

TNH1

Ricardo Mota

A promessa de não elevar o duodécimo da Câmara Municipal de Maceió em 2021 pode ser desmentida já agora.

Lembrando que ela foi feita quando os vereadores decidiram, em junho de 2019, aumentar de 21 para 25 o número de cadeiras na Casa de Mário Guimarães.

Só que a pandemia (?) parece mudar a convicção da atual Mesa Diretora da Câmara, com o olho em 2021.

O limite do repasse para o Legislativo Municipal é de 4,5% da receita tributária e transferências constitucionais do município – a previsão – no ano.

Em 2020 o valor foi de R$ 69 milhões para um orçamento total de R$ 2,6 bilhões. Mas veio a Covid-19 – a Câmara devolveu R$ 2 milhões para lidar com a doença – e as expectativas de receita se frustraram, pelo menos em parte.

Resultado: para o orçamento total de pouco mais de R$ 2,5 bilhões em 2021, o duodécimo da Câmara será menor com 25 do que com 21 vereadores este ano (os 4,5% se mantêm).

A pressão já foi para cima Rui Palmeira, que tem se esquivado. Agora deve ir para o colo de JHC.

É um problemão para o começo de gestão, quando todo tostão pode fazer a diferença.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *